gestão empresarial

4 dicas para melhorar a gestão empresarial

Gestão empresarial é um termo que se refere às práticas de gestão adotadas pelas empresas. Quer conhecer algumas dicas para melhorar a gestão da sua empresa (ou na qual você trabalha)? Vem comigo!



O que é gestão empresarial?

Essas práticas são fundamentadas em planejamentos, estratégias e ações que levam a empresa a alcançar os seus objetivos. E envolvem tudo que é necessário para que uma empresa avance, definição de metas, planejamento estratégico, análises financeiras e contábeis, compras, vendas, pessoas, enfim.

A prática da gestão empresarial é aplicada e envolve todas as áreas da organização. Para isso é necessário que o responsável ou os responsáveis pela gestão empresarial sejam extremamente competentes e possuam habilidades e conhecimento. Como por exemplo, conhecer e saber aplicar as diversas ferramentas que existem no mercado para o crescimento de um negócio.

Qual a importância da gestão empresarial?

Você sabia que mais de 4 milhões de novos negócios foram abertos em 2021? Este foi um recorde histórico. Em contrapartida, mais de 1,4 milhões de empresas encerraram suas atividades no mesmo período.

É muito legal ver o crescimento do nosso país, mas não é fácil conseguir manter uma empresa “de pé” e entregando os resultados esperados para manter sua sobrevivência. Por isso, hoje estamos falando de gestão empresarial. Ponto fundamental para que uma empresa se mantenha no mercado.

É muito fácil uma empresa cometer erros que afetam seu projeto de negócio, às vezes, coisas muito comuns sobre o mercado, controles financeiros ou outros, podem acabar com um sonho. Então, enfatizo que a gestão empresarial é um pilar que mantém a empresa de pé. Sem ela, pode ser que seu negócio não perdure.

4 dicas para gestão empresarial

Bom, se você veio até aqui é porque entendeu a importância de uma boa gestão empresarial. Por isso, vou compartilhar com você algumas dicas que podem te ajudar a manter o seu negócio prosperando.

Planejamento

Bom, quando você tem um objetivo é importante que você pense em um plano para alcançá-lo, não é mesmo? Essa é a definição de planejamento. E isso pode ser aplicado na sua vida pessoal ou no seu trabalho.

Quando falamos do trabalho, estamos pensando em um planejamento mais estratégico. Qual a estratégia que vou seguir para alcançar as metas e resultados que buscamos? Por isso, a primeira dica que eu vou deixar é: Planeje-se. Defina objetivos, metas e planos de ação para alcançar o seu objetivo.

Indicadores de desempenho

Acabei de dizer para você se planejar, traçar metas e objetivos, certo? Agora, você tem que acompanhar tudo isso.

A melhor forma para você fazer isso é ter indicadores de desempenho (KPIs), desta forma você conseguirá avaliar se a sua estratégia está indo para o caminho certo. Se está trazendo os resultados e alcançando o objetivo que você definiu.

As empresas têm suas particularidades dependendo do segmento de atuação, localização, mercado, enfim. Por isso, cada empresa deve definir quais são os melhores indicadores para avaliar a saúde do seu negócio. Existe uma série de tipos de KPIs, os mais conhecidos são:

  • indicadores de produtividade;
  • indicadores de qualidade;
  • indicadores de capacidade;
  • indicadores estratégicos.

Alguns deles são mais genéricos e utilizados em quase toda empresa, outros são mais direcionados a um segmento específico. Mas, para você entender bem do que estou falando, vou citar alguns exemplos bem comuns.

  • Indicador de lucratividade;
  • Margem de lucro líquido;
  • Rotatividade de estoque;
  • Retenção de clientes;
  • Quantidade de novos contratos;
  • Turnover;
  • Custo/Despesa.

O importante é você conseguir utilizar os indicadores de desempenho que melhor se enquadram no seu setor de atuação e que correspondam ao planejamento estratégico da empresa.

Não se gerencia o que não se mede. William Edwards Deming

Tecnologia

Já que o cachorro (no meu caso, gato) é o melhor amigo do homem. A tecnologia poderia ser o segundo melhor amigo do homem rsrsrs.

A tecnologia e a gestão das empresas caminham lado a lado. Com o desenvolvimento acelerado de novas tecnologias, é fundamental que as empresas saibam utilizá-las e implementá-las para melhorar os controles e resultados da organização. A tecnologia permite que a empresa seja mais ágil, que os processos ocorram de maneira mais prática, padronizada e eficiente.

Neste blogpost vou te trazer um exemplo de tecnologia que melhora a gestão empresarial. O BPMS (Business Process Management System), que é o suporte tecnológico para automatização da Gestão por Processos. O BPMS é uma ferramenta que permite mapear, executar e monitorar processos intra e interfuncionais com foco na transformação do negócio e na melhoria constante.

Como isso acontece? É um software que automatiza todo aquele fluxo de trabalho do seu processo. Hoje em dia, essa automatização pode ser feita por você, pois o low-code (pouco código) já está tomando conta do mercado de tecnologias. Sendo assim, existem plataformas low-code para automatização de processos.

Ferramentas para gestão empresarial

Existem diversas técnicas e metodologias já consolidadas para ajudar você a melhorar a gestão do negócio em que trabalha ou é dono. Sabemos que gerenciar um negócio não é tarefa nada simples, independente do tamanho da empresa. Por isso, vou compartilhar com você algumas ferramentas bem conhecidas que podem te ajudar a aperfeiçoar o seu negócio, reduzir custos e melhorar os resultados.

Ciclo PDCA

O PDCA é uma metodologia que tem o objetivo de promover a melhoria contínua de algo, seja um processo, produto ou serviço. Ela é aplicada em quatro passos:

  1. Plan: que nada mais significa do que Planejar;
  2. Do: que traduzindo significa fazer;
  3. Check: que significa checar ou monitorar, medir;
  4. Act: que é traduzido por agir, é uma das principais etapas do ciclo.

Quer aplicar o Ciclo PDCA aí na sua empresa: Veja o passo a passo.

BPM

BPM é a famosa Gestão por Processos de Negócio. Por meio do BPM é possível transformar uma empresa a partir da gestão e otimização de seus processos. Ou seja, ao invés de você olhar para departamentos, áreas verticais, você começa a enxergar e transformar os processos ponta a ponta dentro da empresa, do pedido até a entrega do produto, por exemplo.

Quer saber tudo sobre BPM? Descubra aqui.

Antes de seguir, tenho que me corrigir, estou colocando BPM como uma ferramenta, mas ele não é. O BPM é uma disciplina de gestão, que contempla um conjunto de conhecimento e práticas de gestão de processos, ok? Eu só não poderia deixar passar este item tão importante para a gestão de uma empresa! 🙂

Case de sucesso: Instituto Batuíra

Matriz BCG

A matriz BCG é uma ferramenta que ajuda a organização a analisar seu portfólio de produtos ou unidades de negócio com base no conceito de ciclo de vida do produto. A matriz leva em consideração a participação relativa no mercado, crescimento e futuro em potencial do negócio estudado. Ou seja, ela é utilizada para avaliar a participação da empresa no mercado, para que seja possível analisar onde investir recursos para alcançar melhores resultados.

Análise Swot

É uma ferramenta de planejamento estratégico bastante conhecida no âmbito empresarial.

A análise SWOT tem como principal objetivo analisar oportunidades e ameaças, por meio do diagnóstico das vantagens e desvantagens para iniciar um novo negócio. Além disso, com essa metodologia, é possível elencar os pontos importantes para o sucesso ou fracasso do mesmo.

5W2H

O 5W2H é uma ferramenta muito conhecida e utilizada para a resolução de problemas, aplicação de melhorias e até mesmo no planejamento estratégico. Seu principal objetivo é ajudar na compreensão da situação atual de um problema. A forma como a metodologia é executada e também o layout facilitam muito a clareza das informações pois tem uma abordagem mais visual.

Planilha 5w2h

Por fim,

Estar na gestão de uma empresa é o sonho de muitas pessoas. Mas, para isso, é necessário trilhar um caminho de muito conhecimento. Além das habilidades comportamentais, as habilidades técnicas são muito importantes! Conhecer ferramentas e conceitos que te ajudam a aplicar boas práticas, ter a tecnologia como aliada, saber planejar e medir os os planos de ação. Tudo isso e mais um pouco fazem parte da caixinha de ferramentas para se fazer uma boa gestão.

Até o próximo conteúdo.

Artigos Similares

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

A Zeev coleta, via cookies, dados essenciais para o funcionamento do site e métricas de acesso. Saiba Mais.