5 plataformas Low-Code que vão revolucionar sua empresa

Plataformas low-code permitem que os aplicativos sejam desenvolvidos com pouco ou nenhum conhecimento de linguagem de programação. Além disso, os aplicativos low-code podem ser totalmente customizados, sendo uma maneira prática de desenvolver novas aplicações que sejam aderentes à sua necessidade específica.



Afinal de contas, o que é low-code?

Essa é uma pergunta bem relevante, não é mesmo? Então, para responder ela de maneira completa e com muito conhecimento sobre o tema eu convido você a ler o guia completo sobre low-code que a Bruna escreveu. Eu tenho certeza de que você vai aprender muito lá! 

Vamos entender um pouco mais sobre essas plataformas?

As plataformas para a criação de aplicações low-code, conhecidas como LCAP (Low-code applications plataforms), oferecem ganhos de produtividade bastante atraentes para o desenvolvimento do seu negócio. Além disso, elas trazem benefícios na velocidade de entrega e no desenvolvimento de profissionais.

O surgimento das plataformas low-code veio para revolucionar o mercado de desenvolvimento de softwares. Ou seja, ter uma plataforma dessas para desenvolver seus softwares e as suas soluções significa ter um aliado nos ganhos em escala do seu negócio. Você opera com segurança e agrega valor a sua empresa! Além disso, as plataformas low-code trazem recursos bastante relevantes:

  • Maior segurança e escalabilidade;
  • Maior independência das áreas;
  • Desenvolvimento com maior facilidade e velocidade;
  • Interfaces de arrastar e soltar;
  • Modelagem visual de aplicativos

 

Um ponto importante de mencionar é que, de acordo com a previsão do Gartner, os aplicativos desenvolvidos com plataformas low-code serão responsáveis por 65% do desenvolvimento de soluções até 2024. E o que isso significa? Que a maioria dos aplicativos criados até 2024 serão desenvolvidos usando plataformas que fornecem programações “prontas”.

Plataformas low-code e no-code: qual a diferença?

Nesse sentido, vamos entender qual a diferença entre as plataformas low-code e no-code? Vou começar falando um pouco sobre os softwares low-code. 

Eles permitem que os aplicativos sejam totalmente customizados e com uma quantidade de programação mínima. Elas contam com diversas soluções que estão prontas para serem utilizadas pelos desenvolvedores, e isso acelera o desenvolvimento do software. 

E, mesmo que os softwares low-code ainda necessitem de alguém que tenha algum pouco conhecimento em programação, ainda assim são mais rápidos e baratos do que antes. Fazer o uso deste tipo de software gera autonomia e traz velocidade para o negócio.

No code

Já as plataformas no-code são aquelas que levam o conceito de low-code para outro nível, permitindo que, literalmente, qualquer pessoa possa desenvolver as soluções que necessitam sem nenhum conhecimento em programação. Eles propiciam que qualquer pessoa, até mesmo as sem nenhum conhecimento técnico, customizem os seus processos de negócios, dashboards, etc. Alguns exemplos de plataformas no-code: Pipedrive e Airtable.

Ah, tem um lado divertido nisso que também é legal de falar. Essas plataformas também permitem que alguns tipos de jogos sejam criados, sem a necessidade de qualquer linguagem de programação. 

Vamos então a lista das 5 plataformas Low-Code que vão revolucionar sua empresa

1. Zeev

O Zeev é a plataforma pioneira em low-code aqui no Brasil. Ele permite que você transforme o seu fluxograma em um aplicativo! Ou seja, você transforma os seus fluxogramas em workflows automatizados. Podendo desenvolver suas soluções de forma rápida, agregando muito valor ao seu negócio.

Por ser uma empresa brasileira, você tem algumas grandes vantagens! Uma delas é que o pagamento é feito em reais, você não precisa se preocupar com a cotação do dólar. E não terá uma surpresa no final do mês. Outra grande vantagem é que o suporte é em português. O time de especialistas Zeev está pronto para atender você. 

2. Salesforce

O Salesforce é uma plataforma low-code que tem como foco a solução no gerenciamento, visando aproximar pessoas e empresas. Eles são uma plataforma de CRM integrada, que oferece à todos os departamentos da empresa uma visão única e compartilhada de cada um de seus clientes. 

Ele possuem uma plataforma chamada de Salesforce Customer 360, que oferece experiências personalizadas aos seus clientes. Trazendo uma melhor conexão entre todas as àreas da empresa!

3. Zoho

A Zoho é uma empresa que tem um pacote de softwares low-code exclusivo e avançado para administrar os seus negócios de forma integrada. Ela disponibiliza mais de 45 aplicativos integradas através do Zoho One. Nele você pode gerenciar, conectar e automatizar os processos de negócio de toda a sua empresa.

Além disso, ele possuem uma plataforma de CRM e de ambiente de trabalho online para equipes (chamado de workplace).

4. Mendix

A Mendix é a empresa líder de mercado quando falamos sobre plataformas low-code. É uma empresa que tem sua sede em Roterdã, na Holanda. Eles ganharam notoriedade no tema quando apareceram no famoso relatório de Forrester e do Gartner. 

A empresa promete que você irá criar aplicativos rapidamente a partir da sua plataforma low-code. Alguns exemplos de utilização desses aplicativos são: portais online, fluxos de trabalho automatizados, processos digitalizados e sistemas legado. 

5. Appian

A Appian é uma empresa norte-americana, com sede no estado da Virginia. Eles permitem que você construa aplicativos para a sua empresa e workflows automatizados de maneira rápida, por serem low-code.
Eles fazem isso em uma única plataforma. E prometem que entregam seu projeto em 8 semanas, para que você possa provar valor de maneira rápida. 

Porque eu devo escolher uma plataforma low-code?

O que isso gerou? Uma necessidade emergencial de que existam desenvolvedores fora das áreas de TI. As pesquisas do Gartner já apontam que em média 41% dos funcionários fora da área de TI customizam e constroem suas próprias soluções tecnológicas. E a previsão é desse número aumentar até 2025, onde metade dos clientes de low-code serão de fora da área de TI. 

Então, caro leitor, eu pergunto: como está o volume de trabalho do seu departamento de TI? Geralmente essa é uma área que possuí grandes projetos que demandam tempo e energia. 

Assim, partindo desta reflexão, um dos grandes motivos para se escolher adotar uma plataforma low-code é que você pode ter uma velocidade maior para desenvolver  aplicativos, sem entrar na fila de TI para que seu sistema seja desenvolvido.

Além disso, os profissionais de TI também podem se beneficiar muito com as plataformas low-code. Pois é possível que eles criem soluções com menos linhas de programação! Otimizando seu tempo e podendo agregar cada vez mais valor ao negócio. 

Ferramenta na prática

Você gostaria de ver uma ferramenta low-code na prática? Então vou deixar aqui embaixo um webinar sensacional, que mostra como uma ferramenta low-code de gestão de processos pode ser um aliado diário na sua empresa!

Além disso, que tal conhecer um case de sucesso? O Grupo Eloware alcançou 30 processos automatizados nas áreas de RH, qualidade e comunicação e marketing, que foram construídos com uma ferramenta low-code! 

Case de sucesso: Grupo Eloware
Case de sucesso: Grupo Eloware

Quais os benefícios deste tipo de plataforma? 

Agora que você sabe o que é uma plataforma low-code, acho legal elencar aqui apenas alguns benefícios que ela pode trazer para o seu negócio! Vamos ver?

  • Flexibilidade: por ser um sistema modular, existe uma maior facilidade e agilidade para desenvolver o software que vai te atender. Além disso, existe uma maior tranquilidade para a adaptação dos usuários, porque os elementos já vêm prontos. Sendo assim, podem ser mais intuitivos. 
  • Autonomia: como não é necessário conhecer linguagem de programação, essas plataformas trazem autonomia para os usuários desenvolverem as suas aplicações. 
  • Adaptabilidade: é possível desenvolver soluções para todos os tipos de negócio, de acordo com cada necessidade. As plataformas low-code permitem que qualquer colaborador seja capaz de modelar soluções para melhorar a sua rotina. 
  • Um mundo de possibilidades: nem sempre é possível ter um desenvolvedor de soluções no seu time. Por isso, as plataformas low-code vieram para trazer mais possibilidades para as organizações, podendo customizar e criar seus próprios produtos. 

Além disso, o Head de Produtos da Zeev, Rafael Bortolini escreveu uma matéria fantástica para a Exame. Onde ele comenta sobre as principais vantagens na hora de escolher as ferramentas low-code.

Não é apenas sonho. Conheça na prática!

Você já deve ter percebido que plataformas low-code são uma tendência no mundo de negócios, não é mesmo? Elas trouxeram com elas um mundo de possibilidades. Conseguiram tornar o desenvolvimento de softwares e de aplicativos mais acessível para todas as pessoas.

Nós, aqui da Zeev, estamos totalmente conectados com as novas tendências mundiais e sempre à frente no quesito tecnologia. Sabe por quê?  O Zeev e o Zeev docs permitem que qualquer pessoa tenha o superpoder de criar softwares.

Espero que tenham gostado! Até mais! 

Artigos Similares

One Comment

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

A Zeev coleta, via cookies, dados essenciais para o funcionamento do site e métricas de acesso. Saiba Mais.